segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Um bom filho à casa torna

... no sábado, rumamos à minha segunda terra... Braga... aquela que me acolheu ao longo de cinco anos, aquela que viu o meu sonho realizar-se, aquela que me permitiu viver belos e inesquecíveis momentos ... 

... voltei {já lá tinha voltado, claro}, mas desta vez, voltei com marido e filho... e foi maravilhoso! Voltar num contexto diferente, visitar os mesmos lugares, percorrer as mesmas ruas, mas com o meu menino ao colo... faz-nos ter outra perspectiva da vida, faz-nos ver que, efetivamente, o tempo passou,  e apesar das coisas terem mudado, de ter outras responsabilidades, de encarar a vida de maneira diferente, de já não ser aquela menina de capa preta debaixo do braço, carregada de livros, que caminhava pelas ruas de Braga em busca do tão desejado "canudo"... apesar disso tudo, há coisas que nunca mudam... 

...  o sorriso que não nos larga enquanto lá estamos, aquele brilhozinho no olhar ao percorrer os "nossos" lugares do costume, a ótima receção do Sr. A da pastelaria, que frequentávamos, religiosamente, todos os dias, e que apesar dos anos, ainda se lembra de nós! E, claro, lá voltar sem a minha Su, não era a mesma coisa... foram cinco anos por lá, foram cinco anos juntas todos os dias, a toda a hora {nem sei como nos aturamos tanto tempo...lool}, foram cinco anos inesquecíveis!!








2 comentários:

Susana disse...

Um dia, sem dúvida, memorável que nos fez recordar momentos que farão parte da nossa vida para sempre. Ir sem ti, também não teria sido a mesma coisa... nós partilhamos tudo, logo o regresso deveria ser partilhado :) A cumplicidade contínua e aqueles caminhos foram sempre vistos por nós, sempre lado a lado, «aquelas meninas que andavam sempre juntas»... estas palavras são uma perceção exata daquilo que foi a nossa passagem por Braga e daquilo que é a nossa amizade e quero (e farei sempre por isso)) que continue a ser, SEMPRE... Digamos que nós não nos aturávamos, simplesmente nos compreendíamos e nos apoiávamos uma a outra uma à outra como numa verdadeira amizade deve ser! Obrigada por todos os momentos partilhados, vamos torcer para que venham muitos mais tão belos ou mais como os que temos vivido!

Josiana Leal disse...

♥♥♥