segunda-feira, 18 de abril de 2016

As rasteiras da vida

... por vezes, ela lembra-se e decide pregar-nos umas valentes rasteiras... daquelas que nos deixam sem chão, com a cabeça à roda, com o coração em stand-by... 
... por vezes, a vida é matreira, põe-nos à prova, mostra-nos, da pior maneira, a valorizar o que de mais banal existe na vida...
... por vezes, é preciso fazer das "tripas coração" e arranjar força onde nunca pensaríamos ter...
... por vezes, gostaríamos de acordar e pensar "ufa, foi só um pesadelo"!

Sem comentários: