sexta-feira, 5 de agosto de 2016

Os filhos dos outros

Lidar com os filhos dos outros não é nada fácil! Eu trabalho, diariamente, com os filhos dos outros, e, consequentemente, lido com diversas personalidades e muitos feitios complicados... 

Neste período de férias de verão, estou com os miúdos mais horas, e vou observando o comportamento deles, a forma como agem e reagem perante determinada situação, vou conhecendo-os melhor, e retiro dessa observação várias ilações importantes que, no fundo, são o retrato da nossa sociedade... uma sociedade cada vez mais fragmentada a nível familiar, muito permissível, onde, muitas vezes, reside uma ausência de valores brutal...

Partilho convosco o pouco do que pude observar e, questiono-me se não estaremos a fugir um pouco muito do caminho certo...

#1 Excesso de mimo 

Esta situação é bem notória, principalmente nas crianças que não têm irmãos... eu sei que existem casos em que isso não acontece, mas, como referi, o que vou relatar aqui é meramente aquilo que observo na amostra dos meninos com quem trabalho, e de facto, os miúdos que são filhos únicos são aqueles que têm mais mimo, que não aceitam ouvir um "NÃO", que fazem birra por tudo e por nada!

Depois também temos aqueles pais que são demasiado permissíveis  e que desculpam tudo o que os filhos fazem, porque teve um problema de saúde, porque os pais estão separados, porque... porque... e claro, os miúdos são espertos e aproveitam-se disso para fazerem dos pais o que querem!

#2 Problemas familiares

Posso arriscar em afirmar que mais de 50% dos meninos com quem lido, todos os dias, são filhos de pais separados e isso afeta imenso a criança... quando os pais têm as coisas bem resolvidas, não é tão notório, mas quando há conflitos entre o casal, isso reflete-se, e de que maneira, no comportamento da criança, no seu aproveitamento escolar, na sua forma de interagir com os outros...

#3 Falta de educação

Também é outro aspeto gritante e que, de certa forma, acaba por estar ligado aos dois anteriores... tenho vários casos de meninos a quem chamamos a atenção para determinado aspeto e vamos a ver já estão a fazer o mesmo... é uma espécie de "gozar com a tua cara", a que chamamos de falta de educação!

A educação vem de casa, reflete o seio familiar onde vivemos, os valores que temos e, infelizmente, na nossa sociedade, verifica-se que, cada vez mais, esses valores se vão perdendo!

Quando tinha a idade deles, ai de mim desobedecer ou ignorar uma ordem de um adulto... agora, ninguém liga!

#4 Alimentação 

Sim, a alimentação é outro aspeto que me desperta atenção, porque reparo que os pais colocam cada vez mais doces nas lancheiras dos filhos... não há uma criança que não coma {diariamente} um bolo, umas bolachas de chocolate e beba sumos ao lanche... são raros os pais que colocam uma peça de fruta!

Essa situação chama-me mais a atenção nos dias de piscina em que as lancheiras estão repletas de fritos, chips, sumos, bolos... ok, eu sei que é um pique nique, que é considerado "normal" levarem esse tipo de alimentos... mas, pessoalmente, penso que pode ser evitado.... um pão com salada, uma hambúrguer de frango grelhado, fruta laminada, bolachas de água e sal... é tudo uma questão de hábito e de dedicação!

O meu filho tem 2 anos e, não está habituado a comer doces!! Quando lhe oferecem um chupa, um rebuçado, ele recusa... simplesmente, porque não sabe o que é aquilo, porque optamos por não lhe dar a provar esses tipos de doces... Ele come bolachas de chocolate, mas com moderação, prova bolos de aniversário, mas não oferecemos esses género de doces com frequência... porque simplesmente consideramos que não é algo de benéfico, não é algo que "lhe faça falta" e como diz o ditado "o que não é visto, não é lembrado"!

Também tenho um caso de um miúdo cuja mãe não coloca praticamente nada na lancheira, sendo frequente até não trazer lanche... também nem oito, nem oitenta... o miúdo basicamente anda a comer o que os outros lhe oferecem... Santo Deus!!

#5 A higiene

A higiene, ou falta dela, é outro aspeto notório... roupas usadas vários dias, roupas essas com marcas de sujidade... ausência de banhos... enfim.... a nossa sociedade anda de pernas para o ar é o que vos digo!!!

Sem comentários: