segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Aos poucos...

Este fim de semana, ganhei coragem e passei o dia de sábado e a tarde de domingo em casa... ainda não me sinto preparada para lá ficar a dormir... pensei que estaria, mas estes dias por lá, tomei consciência que afinal não... o dia até correm bem, mas o anoitecer ainda me traz aquela angústia, aquela dor na barriga... talvez para a semana!

Aproveitei e levei o Gonçalo comigo... já não ia a casa há mais de quinze dias e é importante manter contacto com as coisas dele... inicialmente, ficou à entrada parado, mas depois lá foi ver os brinquedos, o Panda na TV... fartou-se de dizer "papá"... e confesso que fiquei feliz por isso... é sinal que associa a casa ao pai, que sabe que ele lá esteve e que faz parte da nossa casa, da nossa vida... 

Apesar do Gonçalo não ter idade suficiente para ele um dia, se lembrar do pai, quero que ele não se esqueça que tem um pai, que mesmo não estando fisicamente presente, ele existiu {e existe dentro de nós}, quero que ele saiba reconhecê-lo numa foto, num vídeo, quero que saiba o pai fantástico que foi, o ser humano altruísta que era... por isso, falamos muito nele e ninguém fica embasbacado quando ele chama por ele... muito pelo contrário!

Também foi a primeira vez que o Gonçalo foi ao cemitério e foi amoroso vê-lo com a foto do pai, dar-lhe beijos e chamar por ele! É isso que quero... perpetuar a memória dele para sempre!

E da mesma forma, que quero que o menino se lembre sempre do pai, também quero manter a presença dele em casa... por isso, no nosso cantinho a que chamávamos de "escritório", dediquei um espaços aos nossos miminhos... 

Tínhamos por hábitos deixar mensagens no frigorífico, que felizmente guardei, tal como guardei a surpresa que lhe fiz no dia dos Namorados, em que espalhei pela casa, carro e lancheira algumas mensagens... lembro-me de ele dizer que à terceira mensagem já andava atento a tudo à sua volta a ver se havia mais!

Tão bom recordar esses momentos, mas ao mesmo tempo, tão doloroso saber que jamais existirão!!

És o meu tudo 💗


E não faz...

3 comentários:

susana disse...

Um passo de cada vez leva nos onde sempre quisemos chegar... Caminharei contigo sempre que precisares ❤ Adoro te muito!

A Vida a Três disse...

Obrigada maninha por todo o teu carinho <3
Gosty <3

susana disse...

❤❤