quinta-feira, 20 de dezembro de 2018

Partilhar*

Há mais de um mês fui contactada por um jornalista da SIC {Obrigada Ivo G. pelo convite e pela confiança e oportunidade} para partilhar a minha história de amor com o Jorge. Inicialmente, fiquei reticente, quem me conhece sabe que sou mais de ficar no meu recanto, mas depois do empurrãozinho do meu irmão, aceitei.

Partilhar com os outros as nossas vivências, as nossas dores, a nossa experiência é uma forma de tornar a vida em sociedade mais rica, mais real. Obriga-nos a deixar de olharmos para o nosso umbigo e começar a olhar mais ao nosso redor. A sentir mais empatia pelos outros, pela dor dos outros. E, sobretudo, cuidarmos, mais e melhor, da nossa felicidade, que damos muita vezes, por garantida.

A minha passagem pelo programa da Júlia prendeu-se na importância de sabermos valorizar cada instante da nossa vida. Aproveitar cada minuto com quem amamos de verdade. Saber dizer, todos os dias, que amamos aquela pessoa.

Partilhar a minha história, fez-me recordar o quão fui feliz com o meu Jorge, fez-me sentir especial por ter vivido um amor genuíno e intenso. Fez-me sentir orgulhosa pela pessoa que ele foi, e sempre será. Uma homem altruísta, amigo, profissional e, como disse a Júlia, com "cara de boa pessoa".

Espero que, onde quer que esteja, tenha ficado orgulhoso por esta homenagem. ♡



Sem comentários: